MeU aLéM ...

Minha foto
Santa Catarina, SC, Brazil
Baiana e Escorpiana nata, 32 anos. Essa sou Eu, simples e transparente... Basta conhecer... Não estou aqui para induzí-los, quero que me vejam com olhar sincero, pq quero ser Eu mesma... Isso basta! Para chegar onde estou, Eu subi alto, caminhei o bastante. Fui a lugares impossíveis, mas não fui hoje, fui ontem. Não preciso de roupas belas. Não uso máscaras para fingir o que sou para agradar. Eu encanto pela minha essência, sorriso e olhar... "Faria tudo de novo".

quarta-feira, 19 de janeiro de 2011

_Tantas...


Tantas coisas pra dizer, tantas coisas dentro de mim.
Não sei por onde começar.
Acho que pelo fim, o fim é sempre doloroso.
nem sempre o fim é um fim. O fim pode ser um recomeço.
O começo de muitas emoções, e descobertas inacreditáveis de sentimentos ocultos que existia e não sabia definir...
Entender só seria perca de tempo, porque enquanto você tentava entender, eu sentia. E enquanto você sentia, eu tentava entender...
Mas depois de tantos por que, não era mais necessário entender.
Entender seria ignorância minha, pois neste vasto mundo existe o infinito de sensações e emoções vividas a cada milésimo, segundo, minuto, hora e uma eternidade para se viver sem pensar no que pode acontecer, com o seu ser, com meu ser, com o ser-emos...
Pois somos todos iguais e pensar no que seremos amanhã seria ignorância do ser humano.
Pois classe social, poder, império, riqueza...
É igual à moral, pobreza, valores (cultura, religião, etnia, SER). 
O ser humano que se torna ignorante do seu próprio merecimento, cada um tem o que merece diante da lei terrena.
Pois leis, normas, condutas, somos nós próprios que fazemos, e nós próprios que caímos em nossas próprias armadilhas.
Vivi, como se não existisse o ontem.
Amei, como se não houvesse o amanhã.
Senti, como se não existisse o hoje.
E aprendi que o amor não se pega, não se apega, e nem tropeça.
Ele simplesmente acontece do nada, e do nada fica, ou do nada se vai...
E não adianta persegui-lo, pois o amor de verdade é liberdade!
Fica o livre arbítrio, fica ou volta.
Vai ou vem. Mas não deixa de querer o bem...

Um comentário:

  1. Amiga, senti seu peito e sua alma aqui, bem pertinho de mim com esse texto. Imagino a dor que sentiu ao escrever, e a sensação de liberdade ao terminar esse texto e postá-lo.

    Nunca se esqueça do quanto és bela e forte. E acima de tudo nunca, nunca desista de vc por causa dos outros. O que importa sempre estará dentro de vc, e vc sempre terá, aqui fora, suas amigas pra te amarem e te apoiarem.

    To com saudades! Te amo!

    ResponderExcluir

dO.eU.aLéM