MeU aLéM ...

Minha foto
Santa Catarina, SC, Brazil
Baiana e Escorpiana nata, 32 anos. Essa sou Eu, simples e transparente... Basta conhecer... Não estou aqui para induzí-los, quero que me vejam com olhar sincero, pq quero ser Eu mesma... Isso basta! Para chegar onde estou, Eu subi alto, caminhei o bastante. Fui a lugares impossíveis, mas não fui hoje, fui ontem. Não preciso de roupas belas. Não uso máscaras para fingir o que sou para agradar. Eu encanto pela minha essência, sorriso e olhar... "Faria tudo de novo".

quarta-feira, 23 de outubro de 2013

_ A tempestade quem faz é você!



Um dia qualquer, decidida fui a luta do meu próprio eu.
Travei várias lutas comigo mesma. Cai, chorei, supliquei, pedi ajuda e levantei.
Conheci pessoas maravilhosas pelo caminho, mas também conheci pessoas rude. O que me fez pensar: _ não quero ser assim!
Mas que de certa forma, hoje se eu encontrar por aí, diria: obrigada por tornar-me forte.
Fugir de mim, várias vezes. Já era nornal pegar o mapa e decidi um lugar e ir embora sempre. Era mais fácil, mas doia. Era meu escudo, ser durona, sentir tudo sozinha. Sentir vontade de chorar, mas não sair lágrimas, e então socar a parede para aliviar a dor, ou até mesmo chorar no banheiro... ou caminhar por ai onde ninguém me conhecesse e gritar até sentir aliviada.
E depois escrever para relatar minhas aventuras, onde quem me segue ansioso para saber a próxima loucura, seja de amor ou de dor. E quando escrevo pessoas ficam felizes por descobrir mais sobre mim. Pessoas que não me conhecem não imagina o quanto sentimento têm preso no meu peito, e vive intensamente cada palavra que escrevo aqui. Por saber que a minha pessoa é reservada, não se abre para qualquer pessoa.
E que sempre venho aqui e escrevo para dizer o que não consigo falar.
Dizer que sou dramática, mas sou mais chata quando sei que estou na razão.
Sou verdadeira sempre, porque fui criada na base de um ser humano normal, que gosto e que sinto desgosto. Pois quando amo, eu amo. Quando eu não gosto, eu não gosto. E quando vejo que não me faz bem, afasto. Porque eu me amo!
_Custou para eu entender isso.
_Custou para eu não sentir culpada pelo outros.
Tudo tem seu preço na vida, e cada escolha tem sua conseqüência. E que cada um têm o que merece.
Sou como vento, posso passar na sua vida como vento leve, mas também posso ser um furacão que passa rápido e vai embora sem ao menos perceber o estrago. A tempestade quem faz é VOCÊ!
Hoje me sinto leve, pois passou um furacão em mim. Daqueles que te deixa de cabelo em pé.
Como dizia Nando Reis: torná-lo um amor real é expusá-lo de você para que ele possa ser de alguém...
Decidida aceitei a mim. E como troféu, ganhei a liberdade de ser 'EU'.
Aceita o que es sem medo de ser feliz, pois o mundo te espera de braços abertos assim como eu... Hoje aqui amanhã não se sabe. Permita-se!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

dO.eU.aLéM